segunda-feira, 23 de abril de 2012

Narrando - Thinna A Mestre Guerreira


*** Primeiro Contato ***




Ainda me lembro dos primeiros contatos que tive com o mundo imaginário, as primeiras horas de imersão no mundo da fantasia onde tudo era possível!

Lembro-me bem dos desenhos que assistia quando criança e de tudo que aqueles persongens podiam fazer, e de pensar ainda pequena "em como seria bom poder fazer isso tambem!", desde de voar a invisibilidade, de me sentir especial como um super herói. E a sensação que tive  ao pegar um controle de vídeo game, a liberdade de finalmente, por algumas horas poder ser aquele Ser capaz de tudo! Acredite, ainda sinto essa euforia boa hoje, com meus 22 anos! Ainda mantenho em mim viva essa criança que pode fazer tudo e Ser quem ela quizer ser... 

Cresci a minha vida inteira rodeada de aventuras... viajei um mundo todo e sempre sem sair do lugar, expandindo sempre os horizontes de minha mente, quando criança simplesmente pela alegria de poder soltar uma bomba e ganhar prêmios, e hoje... hoje posso ser uma bruxa, uma caçadora de dragões, uma guerreira, uma lutadora do Ufc, uma skatista... não existem limites, e sim a possibilidade de Ser!

E quando tive contato com rpg, bem, explicando de forma bem simples.. Era a oportunidade de tirar o controle, a televisão, os dvds, e usar a minha mente.. e interargir com pessoas que estariam ali ao meu lado imaginado a mesma cena que eu! 

Confesso que não comecei a jogar cedo.. com meus 15 anos quando tive em mãos uma Dragão Brasil, tudo bem, continuei com os gamers, com os livros, e filmes, mas certas coisas quando tem que acontecer, acontecem.

Eu precisei de tempo, e de um parceiro paciente pra me convencer a entrar em um mundo dominado pelos homens, (porque assim como a maioria eu nunca tinha visto uma menina jogar!) e deixar de lado essa diferença boba, pois o que vale é se divertir, e quando se juntam pessoas afim  de uma boa e saudável diversão como uma partida de rpg, a ultima coisa que vai importar é o seu sexo e sim a força, destreza, inteligencia, e tudo o mais que o seu personagem tiver. Ainda naum entendo muitas coisas e estou me adaptando a usar dados ao invés de apertar botões, mas estou adorando a liberdade de "criar o meu próprio jogo".

E assim como me apaixonei pelos games e seus consoles e estilos diferentes.. estou amando esse novo mundo que se abre diante de meus olhos, uma sigla tão pequena mas com um siginificado maior que qualquer palavra, o RPG.

Bom galera é isso, um pouco da minha percepção de mundo...
*^_^*

Thinna - A Mestre Guerreira.

5 comentários:

  1. Caras, gosto muito do blog de vocês, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Leonardo, ficamos felizes pelo retorno, pelo menos as pessoas estão curtindo o que fazemos com tanto carinho;

    Muitos sucessos decisivos para você!

    ResponderExcluir
  3. Texto muito legal,pena que hj em dia só estou jogando rgps de console/pc, minha mesa de rpg se separou faz alguns anos.

    ResponderExcluir
  4. Gustavo Weingaertner23 de abril de 2012 12:13

    Texto muito bom!
    Infelizmente também começei a jogar tarde de mais , na verdade , começei a jogar neste ano mesmo.
    Tem 3 pessoas no meu colégio que nunca jogaram rpg , e eu vou ter que tentar mestrar pra eles.
    Como eu tenho pouca experiência , eu tenho bastante medo de errar :S
    Vocês poderiam fazer uma matéria se possível 'ensinando' a mestrar? Tipo , dando alguma ajuda para que , iniciantes como eu, tivessem mais tranquilidade nisso.
    Abraços ,e continuem o ótimo trabalho de vocês :D

    ResponderExcluir
  5. Olá Gustavo.Obrigado por nos acompanhar nesta jornada =D.A ideia é boa..estarei vendo uma forma de passar essas dicas ....valeu

    e muitos sucessos decisivos para você!

    ResponderExcluir

Complementando a leitura

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...